terça-feira, 16 de setembro de 2014

Pela viável e rápida modernização do estádio do Morumbi


Pela viável e rápida modernização do estádio do Morumbi

O Morumbi ainda hoje é um estádio imponente. Seja por sua arquitetura de dimensões colossais, seja por sua capacidade, que embora já tenha sido maior, ainda é grande.

Quando está cheio, o estádio do Morumbi ainda propicia uma experiência emocionante em relação ao seu principal fim, que é ser o palco de um bom jogo de futebol, pois a vibração do enorme público dá colorido ao espetáculo.

É verdade que quem assistiu ali a jogos com maior capacidade de público e com as bandeiras de mastro que hoje estão proibidas, sente falta de tal época, cujo romantismo nunca retornará.

Nesses tempos modernos, em que se fala de arenas multiuso, o Morumbi vem sendo alvo de críticas pesadas, algumas merecidas, outras não.

Mas a realidade é que embora ainda seja ótimo para realização de um jogo de futebol, o Morumbi precisa ser modernizado para atender aos anseios atuais do grande público e, assim, possa gerar receita compatível com os atuais enormes custos do futebol.

Não se trata de fazer grandes obras, colocar tudo abaixo e reconstruir, como defendem muitos que adoram apontar problemas sem indicar soluções viáveis.

Penso que com inteligência o São Paulo Futebol Clube pode moderniza-lo sem que tenha que efetuar obras faraônicas. É claro que qualquer modernização passará pela diminuição do público total do estádio, mas isso pode ser benéfico caso as obras de modernização tragam outro tipo de experiência para o público, de modo que ir ao estádio passe a ser um programa viável para toda a família e não somente aos fanáticos pelo esporte bretão.

Veja-se que quem hoje vai ao estádio não tem a menor infraestrutura de serviços. Mesmo que o torcedor vá ao estádio disposto a consumir produtos e serviços, tem uma gama limitadíssima de possibilidades, daí porque a permanência do público nas instalações tricolores se restringe basicamente ao horário do jogo, pois ninguém aguenta ficar muito tempo a base de banheiros precários, pipoca, salgadinhos artificiais e refrigerantes quentes.

Não precisava ser assim. O São Paulo Futebol Clube poderia se beneficiar muito com as receitas que poderiam ser geradas caso dotasse o Morumbi de boas instalações, fazendo com que o público ali permanecesse por muito mais tempo, consumindo e tendo experiências agradáveis com serviços e produtos de qualidade.

Uma solução que reputo rápida e eficaz seria estender o anel intermediário até a beira do gramado, cobrindo-se apenas as arquibancadas.

Com tal solução seriam suprimidos apenas cerca de vinte mil lugares, correspondentes ao anel inferior, mas a extensão do anel intermediário compensaria parcial ou talvez até totalmente o perdimento daquelas cadeiras.

Tal reconfiguração propiciaria que os atuais anéis inferior e intermediário fossem explorados comercialmente pelo São Paulo Futebol clube para abrigarem toda a infraestrutura que tornaria o estádio do Morumbi um local extremamente agradável de ser frequentado.

O anel inferior poderia ser transformado num espaço exclusivamente voltado para lojas e serviços indispensáveis, tais como banheiros de qualidade, fraldarios e praça de alimentação que contasse com uma gama diversa de restaurantes e lanchonetes, a exemplo do que ocorre nos shoppings centers. Assim, o São Paulo Futebol Clube geraria considerável receita com a locação desses espaços.

Tudo isso, aliado a construção do edifício garagem no terreno ao lado da praça Roberto Gomes Pedrosa, tornaria o estádio do Morumbi um local agradável de ser frequentado não somente pelo público nos dias de jogos, como também durante todos os dias da semana pelo seleto público residencial e corporativo da região, que inclusive conta com o enorme hospital ao lado.

Certamente o tempo de permanência do público no estádio em dias de jogos aumentaria e muito, pois ir ao Morumbi se tornaria uma experiência agradável e cheia de possibilidades, além de que os serviços de qualidade agregariam valor ao jogo ou show em si considerados.

Fica a dica, São Paulo Futebol Clube. É possível fazer tudo rápido e elevar o Morumbi a um novo patamar.

Nenhum comentário: